A Intebra Esferas de aço e Roletes Agulhas preparou esse artigo para ajudar sua empresa a melhorar o processo de moagem.

Mas, antes que demos início ao tema, precisamos entender quais são, realmente os fatores que influenciam nesse processo.

Basicamente, os pontos principais no processo de moagem são a matéria-prima, qualidade do equipamento em si, onde envolve o sistema de exaustão, as esferas utilizadas, a velocidade periférica dos martelos, assim como suas características.

A matéria prima interfere no processo de moagem?

Totalmente! A composição química da matéria utilizada afeta diretamente na moagem. Por exemplo, um aumento de aproximadamente 1% em sua umidade resulta em um aumento no consumo elétrico no processo da moagem de até 7%

Ou seja, a verificação da matéria prima é primordial para evitar consumos excessivos.

velocidade Periférica

Quando falamos em velocidade periférica, estamos falando do movimento da trajetória circular constante em um módulo, ou seja, os martelos sempre estarão a 1760 ou 3600 RPM.

Se considerarmos os moinhos de alta rotação (3600 RPM), essa velocidade é maior que 325KM/h, sendo que a quantidade de ar gerada na câmara não deixa a partícula sair e com isso o martelo a agride por mais vezes, reduzindo significativamente seu tamanho no processo de moagem.

Martelos e suas características no processo de moagem

Nesse caso, a espessura, o desgaste dos martelos e o número de martelos utilizados estão totalmente relacionados com a eficiência da moagem.

Quanto maior o número de martelos, maior é a probabilidade de que as partículas serão processadas efetivamente para que gere uma granulação mais fina.

Martelos mais finos (3mm), contribuem muito para uma moagem mais eficaz. A capacidade do moinho aumenta, o consumo de energia é menor em comparação com martelos mais grossos de 9mm.

Outro ponto importante que precisamos frisar com relação aos martelos é que o sentido de rotação deve ser invertido a cada dois ou três dias quando for utilizado para moagem normal ou a cada dia se a moagem for buscando um resultado mais fino, evitando assim um maior desgaste de forma não uniforme.

Esferas para moagem

A qualidade e a durabilidade das esferas utilizadas durante o processo de moagem com certeza influenciam na qualidade final.

A Intebra trabalha com os melhores produtos, testados e aprovados no quesito qualidade e durabilidade. Entre em contato conosco que explicaremos melhor como podemos ajudar sua empresa.

Peneira

O diâmetro do fura, a área aberta e a espessura da peneira também afetam diretamente o processo de moagem. Quanto maior o furo da peneira, maior será a produção e menor será o custo com energia elétrica.

Em contra partida, nesse caso, uma maior área aberta proporciona maior fragilidade da peneira.

Fique atento em todos esses pontos no momento de realizar a moagem em sua empresa, com certeza isso ajudará muito no êxito do processo.